Cartel Richard Marin13.12.2018

O Centro de Estudios Brasileños organiza, nos próximos dias 5, 6 e 7 de março, o curso Brasil: de la Iglesia de los pobres al maremoto evangélico – de los años setenta a nuestros días, ministrado pelo professor emérito de História Contemporânea da Universidade de Toulouse Jean Jaurès, Dr. Richard Marin, especialista em História do Nordeste brasileiro, Catolicismo e mudança social: séculos XIX-XX e Cristianismo da libertação entre outros.

“A partir de início dos anos setenta, o Brasil, primeiro país católico do mundo em número de fiéis, se converteu no grande ponto de referência do cristianismo da libertação. É o único país onde a Conferência Episcopal apoia a “opção preferencial pelos pobres”. A chegada de João Paulo II ao pontificado, em 1978, iniciou o declínio desta Igreja popular. Em vez da  “opção preferencial pelos pobres”, estão surgindo movimentos carismáticos de espiritualidade pessoal, apoiados por Roma e afastados dos compromissos sociais. Este “pentecostalismo católico”, como às vezes é chamado, atrai grandes multidões de pessoas em estádios, ansiosos para experimentar o poder curativo e milagroso do Espírito Santo por trás desses sacerdotes cantores que vendem milhões de discos.

Apesar destes sinais, de uma certa retirada conservadora, a Conferência Episcopal Católica, não obstante, continua fazendo ouvir a sua voz nas principais questões nacionais e continua exercendo este “direito de intervenção” em questões sociais e políticas que impostas na sua luta contra o regime militar. Denuncia sistematicamente a ordem económica neoliberal, participa das grandes campanhas de moralização na vida política e continua muito ativa na defesa das populações indígenas e dos camponeses sem terra. Paralelamente ao refluxo católico, vê-se surgir uma onda de evangélicos, de 26,2 a 42,3 milhões de fiéis entre 2000 e 2010. Atualmente, o Brasil é a segunda maios nação protestante depois dos Estados Unidos. Gradualmente, os evangélicos estão se convertendo em atores centrais na cena política com, hoje em dia, 16% dos eleitos no Congresso, um deles, o bispo Crivella, como prefeito do Rio de Janeiro. Consequantemente, esta recomposião do campo religioso nos leva a questionar, por um lado, o futuro do catolicismo no Brasil e, por outro, as novas formas do político com um papel inédito das afiliações religiosas que ameaçam seriamente a laicidade do estado” (Richard Marin).

O curso está orientado a alunos de pós-graduação (máster e doctorado) e a pessoal docente e pesquisador da USAL, assim como a todas as pessoas interessadas no tema. As sessões serão ministradas em espanhol,  no Salão de atos do Palacio de Maldonado (Plaza de San Benito, 1), no horário de 09h00 às 12h00. A matrícula é gratuita e as pessoas interessadas devem realizar a inscrição no seguinte formulário online para ter o certificado de assistência. Todos os alunos de pós-graduação da USAL inscritos no seminário poderão concorrer a uma das três (3) bolsas de estágio que a Universidade de São Paulo oferece.

Tagged with:
 

Plaza de San Benito, 1 37002 Salamanca T +34 923 294 825 F +34 923 294 587