Cartel Documental Ser Femenino10.10.2019

Na próxima quinta-feira, 10 de outubro, às 20h00, o Centro de Estudios Brasileños, em colaboração com o Serviço de Atividades Culturais da Universidade de Salamanca, organiza a projeção do documentário “Ser femenino” (2017), dirigido e produzido pela cineasta brasileira Marcia Poppe. “Ser Femenino” é um documentário expositivo e poético que convida pensadores e artistas de diversas áreas a analisar as imagens que afetam o corpo em temas que perpassam os gêneros. O processo de construção e desconstrução dessas imagens é comentado por uma bailarina contemporânea, membro de um grupo de pós-punk da década de 1980, uma psicoanalista, uma professora e filósofa, um músico e bailarino, e uma drag queen. Enquanto atuam, todos eles pensam no feminino, contam suas histórias de vida, e nos oferecem suas reflexões e processos criativos.

Marcia Poppe, que apresentará e dirigirá o colóquio posterior à projeção do documentário, assina a direção, produção, argumento e montagem deste impressionante trabalho, que foi selecionado em 2018 pelo Festival de Cinema de Málaga na seção “Afirmando os direitos da mulher”. Autora de vários curtas experimentais e videoclips, em 2015 dirigiu o curta de animação “Resistir” (4′), realizado com a técnica de stop motion com areia, e selecionado nos festivais: ANIMASIVO (México), FLAVIA (Argentina), IMAGENESOCIALES (Argentina), CARTÓN (Buenos Aires), CINETORO (Colômbia) e CURTA CINEMA (Rio de Janeiro). Descatam-se entre a sua filmografia Ensaio com o piano aberto (curtometragem, 2013), Sonho de Joana (curtometragem, 2012), Mestre Valentim (2011) e Terreirão (2011).

O documentário será exibido no Teatro Juan del Enzina (C/ Tostado, 2), em versão original com legendas em espanhol e entrada é gratuita até completar a lotação.

Tagged with:
 

Plaza de San Benito, 1 37002 Salamanca T +34 923 294 825 F +34 923 294 587