Na segunda-feira, 14 de outubro, o Centro de Estudos Brasileiros oferece o seminário “Literatura, locura y psicoanálisis”, que será ministrado pela psicoanalista Lísia Filgueiras.

A loucura, enigma da condição humana, desperta o interesse de diversos autores que não recuaram diante dela. Na verdade, a loucura forma parte da vida de alguns desses autores, que encontraram na escrita um recurso fundamental para aliviar o seu sofrimento.

Partindo de uma breve introdução histórica sobre a loucura, baseada em Michel Foucault, o seminário se centra em escritores que abordaram a loucura em suas obras. Entre eles: Machado de Assis, Lima Barreto, Maura Lopes Cançado e Stela do Patrocínio. Para tratar da complexidade do referido tema, o curso partirá dos conceitos da Psicoanálise postulados por Sigmund Freud. A atriz e tradutora Alexandra Plubins participará da sessão com a leitura dramatizada de um dos textos estudados.

O seminário está orientado a estudantes de pós-graduação (máster e doutorado) e a pessoal docente e pesquisador da USAL, assim como os demais interessados no tema. A sessão será ministrada em português, no Palácio de Maldonado (Plaza de San Benito, 1), das 10h00 às 13h30. A matrícula é gratuita e as pessoas interessadas devem realizar a inscrição até 11 de outubro através do formulario online para ter o certificado de assistência.

Lísia Filgueiras é máster em Pesquisa e Clínica em Psicoanálise pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ, 2006), com experiência na área de psicologia e saúde mental, assim como em atenção primária e em gestão e política pública. Desde 2015, coordena cursos e grupos de estudos centrados na articulação entre a Psicoanálise e a literatura.

 

Tagged with:
 

Plaza de San Benito, 1 37002 Salamanca T +34 923 294 825 F +34 923 294 587